Depoimentos

Este espaço é seu, envie o seu depoimento, você não esta só neste universo do TP, compartilhe o seu momento com as outras pessoas, nesta pagina você vê que outros também tem e sabem oque você tem passado ou já passou, e muitos não podem falar sobre o assunto com seu familiares, pois as vezes eles não entendem, então compartilhe conosco.

Agradeço a todos que nos tem enviado o seu comentário e ou questionamento, por ser um espaço publico, todos entram e deixam o seu depoimento livremente, mas tenho notado que algumas pessoas usam deste espaço para postar coisas ofensivas ao proposito do blog, e até para prejudicar o acesso de outras pessoas.

Tenham um pouco de paciência, pois estou fazendo uma varredura e limpeza nele, e também logo farei algumas outras mudança.

14.073 comentários

    • Batimentos cardíacos 143 bpm … criança de 1 ano chorando, dor insuportável no peito e medo muito medo !
      34 eletrocardiogramas, 17 exames de sangue , 2 ressonâncias , 3 tomografias , é uma internação de 5 dias . Diagnóstico final Ansiedade Generalizada !
      Sofro diariamente durante 3 anos , acordo todos os dias pensando que vou morrer , qualquer dor me diagnóstico com câncer , infarto !
      Tento sorrir , mas o medo de morrer surge e o sorriso desaparece pelo turbilhão de pensamentos negativos …
      Tonturas diárias e choques pelo corpo , acho todos os médicos imprudentemente por não diagnosticar algo ; porém tenho medo deste algo !
      Sincope e 4 pontos na cabeça !
      Maldita sensação de sufocamento e olhares de pura frescura .
      Quem sou eu ?!
      Dentista formada , mãe da menina mais linda do mundo , esposa linda , sou linda sim ! Não vivo , sobrevivo ao medo de morrer , de deixar minha filha !
      Choro sozinho por ninguém saber realmente quem sou …
      Medo e lá vem ele me perseguir até mesmo quando quero comprar um sapato para me alegrar , medo de ninguém segurar minha mão nas inúmeras crises !
      Crises estas que são diárias , pois tenho medo de ter outra crise , então vivo em crise ?!

      Mas …

      tudo vai passar!

      Palavras de um psicólogo qualquer !

      Curtir

  1. CONHEÇA-TE A TI MESMO
    domingo, 21 de maio de 2017
    A PARTE QUE ME CABE

    Vai chegar num momento que não suportarei mais tanto sofrimento;
    Vai chegar numa hora que aturdido pelos sintomas, dores e crises, vou atingir o fundo do poço;
    Vai chegar num instante que terei que decidir o que fazer de minha vida;
    Vai chegar numa ocasião que terei que refazer o caminho de volta, a fim de reassumir meu destino;
    Vai chegar numa fase que a vida me obrigará a dar uma guinada de 360° na minha existência;
    Vai chegar num período que terei que me desarmar de conceitos e pre-conceitos que até hoje nortearam minha vida;
    Vai chegar num tempo que terei que me conscientizar que DEUS já vez e está fazendo a parte dele;
    Vai chegar numa oportunidade que serei obrigado a agir e reagir por mim mesmo;
    Vai chegar a vez de eu aceitar que não tenho doença no corpo e lutar contra a doença psicológica que vergasta minha alma;
    Tomara que esse dia seja hoje.
    Tomara que esse instante seja agora.
    Tomara que eu volte a viver já.
    Paz e Luz.
    Cláudio
    panicoevida.blogspot.com.br

    Curtir

  2. Ahh, esqueci de mencionar sintomas como dor leve e pressão no meio do peito, como fosse no esterno, bolo na garganta, agulhadas em todo corpo, como pinicassem, choques por todo corpo, principalmente abdômen, as vzs durmo bem, mas basta acordar pros sintomas começarem. E as vzs sinto dores no estômago, me sinto enjoada. Boca seca e uma sensação de oco na barriga. Nao tudo junto claro, as vzs vem um desses, ou dois, três de uma só vez. Mandem msg peo meu whats relatando o que acontece com vcs. 82-9984-2445

    Curtir

  3. Bim dia pessoal. As minhas crises começaram a menos de dois meses, depois de um mal estar, e ter ido parar na emergência pensando ser infarto ou avc, eu comecei a desenvolver as crises de ansiedade e pânico. Medo de morte sempre, pensamentos ruins, noites sem dormir direito. Pontadas no peito esquerdo, dormência nas mãos, dores no ombro esquerdo, sensação de pressão no peito. E por várias vezes, muitas vzs duas ou mais visitas a emergência por semana. Fui ao cardiologista, teste ergométrico normal, sem problemas de tireoides, algumas taxas no exame de sangue alteradas mas ja estão normais com regime, caminhada e lipless. Fui a dois endocrinos, consultas com.psicóloga. Mas nada melhora. Fui a outra endocrinologista e ela foi categórica.. Pare de procurar médicos, o seu problema é Ansiedade. Me passou encaminhamento para o psiquiatra e irei sim. Pois não suporto mais essas dores no peito, pontadas, dores nos ombros, pescoço, dor de cabeça, calafrios. Fico gelada quando vem a crise, mt medo de estar morrendo. Vico aferindo a pressão direto, e quando n está baixa, está normal. Outra coisa, é normal vc sentirem sintomas, mesmo que leves praticamente todos os dias? Pq estou vivendo assim agora. Estou tomando escitalopran pra ansiedade, e clonazepan pra dormir. Mas parei o clonazepan. Me add em algum grupo, 82-99984-2445. Preciso da ajuda de vcs.

    Curtir

  4. de dezembro de 2016
    A DOR ALHEIA

    “Quando o sofrimento do meu irmão não me tocar. Estarei sim, mais doente do que ele”.
    Existem pessoas que se irritam diante das inúmeras reclamações dos portadores de distúrbios da ansiedade.
    Não entendem elas, que o simples fato de repetidamente ficarmos falando sobre as nossas dores, os nossos medos, as nossas angustias, enfim, do nosso sofrimento, atua em nós como uma terapia. Parece que estamos expurgando de nós todos aqueles detritos mentais que vamos acumulando num certo período de tempo.
    Essas mesmas pessoas, na maioria das vezes, nos taxam de fracos, moles, manhosos, etc, sem se aperceberem que estamos necessitando de no mínimo, um pouco de atenção.
    Sabemos sim, que as vezes passamos dos limites.
    Mas o que esses criticos não sabem é que essa doença parece que nos entorpece, nos tira por lapsos considerados de tempo, a noção de certas atitudes, as quais não tomariamos se tivéssemos na posse total do nosso raciocínio.
    O medo é tamanho que perdemos a noção do ridículo, do vergonhoso e do racional.
    Somente quem sofre dessa doença, sabe do que estou falando.
    Teorizar sobre o que não se sente, sobre o que não se conhece, é muito fácil.
    Como o equilíbrio depende de cada pessoa, justamente por isso, umas entenderão como lidar com ela, primeiro do que outras. E mesmo porque ainda não se sabe ao certo a origem disso tudo, ninguém está totalmente isento de uma recaída ou recidiva.
    O que se sabe que essa doença pode ter longa duração, e dependerá da capacidade de entendimento, de enfrentamento e de coragem de cada um.
    Certo é que cada um a seu tempo, com certeza, conseguirá a cura.
    Deus não nos criou condenados ao sofrimento eterno.
    Precisamos de contar com um quinhão a mais da paciência dos que conosco convivem.
    Na maioria das vezes é só disso que precisamos.
    Lidar com esse monstro que nos atormentam, já não é fácil.
    Sem a compreensão dos que nos amam, torna a situação praticamente impossível e nos destrambelha mais ainda.
    Palavras atravessadas, cochichos pelos cantos, olhares com o canto d’olhos, não nos auxiliam em nada.
    Infelizmente é isso que temos, na maioria das vezes.
    Paz e Luz.
    Cláudio
    panicoevida.blogspot.com.br

    Curtir

  5. Eu sinto tudo isso que vcs sentem. Agora pouco sentir como se eu fosse morrer. Meus batimentos irregulares, falta de ar, uma agoia no meu peito. Pés e mãos gelados e suando. Tbm umas alfinetas na minha barriga, braços e pernas. Estava em um evento aqui perto de casa e acabei vindo embora antes mesmo que começasse.

    Curtir

  6. CONHEÇA-TE A TI MESMO
    terça-feira, 14 de março de 2017
    PENSAMENTOS…

    Quando a dor chega de repente. Se eu não mudar os pensamentos. Impossível a cura.
    Quando o sintoma chega todo matreiro. Se eu não mudar os pensamentos. Impossível o equilíbrio.
    Quando o medo chegar me destrambelhando todo. Se eu não mudar o foco dos pensamentos. Impossível querer melhora.
    Quado eu correr para o médico na expectativa de alguma doença grave, e voltar frustrado, com o diagnóstico de ansiedade, mas se não mudar os pensamentos, isso se tornará uma rotina na minha vida.
    Mas quando eu desesperadamente entrar nas redes sociais a procura de doenças para os meus sintomas. Se não mudar os meus pensamentos, ficarei eternamente conectado na internet e nas doenças ficticias por mim “criadas”.
    E quando eu tiver sensações de desmaio, tonturas, vertigens e dores pelo corpo? Se não mudar a forma de encarar e se os pensamentos não forem alterados. Impossível sair disso tudo.
    O coração disparado, falta de ar, opressão no peito. E aí? Infarto ou AVC? Nada disso. Pensamentos desajustados que precisam de disciplina.
    Calafrios, tremores, suores e insônia. Deve ser algo grave. Sim, pensamentos aturdidos que devem ser corrigidos.
    Para todo ansioso, a chave que liga e desliga os mais de cem sintomas são os pensamentos.
    Cada um coloca essa chave na posição que melhor lhe aprouver.
    Paz e Luz
    Cláudio

    panicoevida.blogspot.com.br

    Curtir

  7. Olá amigos me chamo Lucas tenho 29 anos , mineiro de BH, tenho panico a 4 anos , ja fiz tratamento com sertralina , tomei 2 anos mais parei o tratamento , agora os sintomas voltaram com tudo , tenho medo até de ir trabalhar , mais não quero voltar a tomar remedios pois eles não nos curam totalmente e sim escondem os sintomas , resolvi fazer atividade física e oração , pois só Deus e quem pode nos libertar disso completamente , as vezes e muito dificil lutar com a gente mesmo , e uma guerra no escuro , mais Deus proverá em nossas vidas , a caminhada tem abaixo muito a minha ansiedade , acho que sem atividade fisica e pior , pois quem tem panico precisa reaprender a respirar , respiração errada também desencadeia os sintomas … deixo aqui a minha torcida por todos voces , vamos vencer essa luta porque para aqueles que tem fé nada é impossivel , se alguem de BH quiser fazer amizade pra gente trocar experiencias e apaio ficarei feliz .. abraços

    Email : lucasadriano23@hotmail.com

    Curtir

  8. QUANDO EU SOU A DOENÇA

    Quando eu recebo o diagnóstico médico me informando que não tenho nenhuma doença no corpo e que devo procurar orientação psiquiátrica ou psicológica;
    Quando todos os meus exames clínicos e físicos confirmam o diagnóstico médico dando conta de que não tenho nenhuma doença fisica.
    Quando apesar disso, continuo insistindo a procurar outros médicos em busca de uma doença, que não foi detectada anteriormente.
    Quando essa busca desesperada, passa dos limites do razoável e do recomendado. Aí sim, podemos começar a nos preocupar.
    Quando perdemos o senso do ridículo, nos sujeitando a comentários, maliciosos, maldosos e até hilários. Aí está sendo acionado o sinal de que precisamos começar a prestar atenção em nossas atitudes.
    Quando a medicina nos relata que não temos mais nada o que fazer, e ainda insistimos, desacreditando. Mesmo após dezenas de consultas e exames. Aí sim, está confirmado o nosso desequilíbrio psicológico.
    Isso teria que soar para nós que a medicina está nos dizendo que não tem nada que possa fazer para nos ajudar.
    Tanto é que na maioria das vezes nos sugerem o auxílio da terapia psicológica e da psiquiatria.
    Muitos de nós, não aceita essa condição de saúde do corpo. Preferimos continuar a peregrinação​ de médico em médico. De laboratório em laboratório.
    Quem age assim, tem a doença enraizada na mente. E, nada e nem ninguém vai conseguir convence-la do contrário.
    Essas pessoas criaram doenças fictícias. Estão doentes, sem ter doença nenhuma.
    Em suas “cabeças” , estão acometidas de doenças graves e terminais.
    Criaram essas doenças irreais e vivem em função disso.
    Ou melhor. Vivem não. Convivem com essa sombra doentia que criaram.
    O pior de tudo, é que muito pouco dessas pessoas, procuram mudar, entender e encarar a realidade.
    “Estão doentes sem serem doentes”.
    O pior de tudo ainda, é que o número dessas pessoas cresce assustadoramente.
    Para elas é difícil entender a ausência de uma doença no corpo, se estão sentindo dores e sintomas diversos.
    Como fazê-las entender que tudo é psicologico?
    A doença muitas das vezes é o estado da alma.
    Se temos a doença incrustada na alma, pouco importa se os médicos e exames digam que não temos.
    Teremos sempre a doença. Seremos a doença. Independente de qualquer coisa.
    Infelizmente, para quem pensa e age assim, o equilíbrio demorará um pouco mais. Pois todos nós sabemos que se aceitar portador de uma doença psicológica é o primeiro requisito para se buscar a cura.
    Reflitamos.
    Paz e Luz
    Cláudio.
    panicoevida.blogspot.com.br

    Curtir

    • Boa Noite Fernanda!! Este medo que você sente de Rã pode ser uma fobia sua! Não quer dizer que por você ter medo do animal as pessoas vão pensar que você tem algum problema! É normal todos termos algum medo ou receio,mas é com esforço diário,muita respiração e força de vontade que conseguimos enfrentar os nossos maiores medos! Não digo para você ir e pegar uma rã ou chegar perto,mas te aconselho a ficar calma ao ver,pois assim você não se coloca em estado de pânico..

      Curtir

    • Nesse momento, tô sentindo dores no peito coração acelerado, nariz entupido, respiração rapida… ( faz 24 que tô sem dormir, passei a noite jogando vídeo game e não dormi de dia) já faz uns dias que tô me sentindo mal, mas já faz anos e anos que tenho essa tal síndrome do pânico que não acredito que seja só isso, pois no último ecocardiograma que fiz deu um tal de pequeno prolapso de valva mitral com leve regurgitação.. 😢😢😢 agora agora tô sentindo uma pressão enorme no peito 😰 mas sempre tenho tanto é que às vezes nem percebo, eu não tomo o clonazepan direito, e fui olhar agora a a pouco, acabou os últimos que tinha, tô inquieto, só pensando em coisas ruins a respiração tá um cheiro meio amarga não sei explicar, alguém tem algum grupo de WhatsApp pra conversar ? Uns ajudar outros, eu tava num grupo mas sai faz um tempo pq eu tava me sentindo bem 😞😞😞

      Curtir

  9. Olá tenho crise de ansiedade generalizada, e sofro desse mal a dois anos. Já parei em pronto socorro várias vezes achando que estava infartanto ou tendo um AVC. Já passei com cardiologista e fiz exames específicos e nada tudo certo com coração, mais mesmo assim sinto dores e apertos no peito do lado esquerdo e todo vez isso encadeia minhas crises de ansiedade. Fico com dores musculares forte na parte do peitoral e tensões muscular frequentes. Sinto muita falta de ar e as vezes reparo que eu mesmo acabo segurando o ar e não respeitando normalmente. Hoje quando vou viajar ou dirigir por pequenos percursos ataca a crise. É uma sensação horrível não estou mais conseguindo viver bem assim, me atrapalhando no meu serviço e na minha qualidade de vida….. Só tenho pensamentos ruins, acordo pensando que vou morrer e que algo vai dar errado….. Tem alguém assim???? Chame no whats preciso trocar experiências… 12 974024906

    Curtir

  10. Ola. Boa tarde! Bom saber que nao estou só nessa situaçao. O medo tomou conta da minha vida. Vivo em alerta. Vivo achando que algo de terrivel vai me acontecer. Não durmo a noite. E a noite pra mim de tornou um tormento. Pq tudo piora a noite. É horrivel. Tenho medo até de tomar calmante. Tá dificil demais. Sinto vergonha de dizer o que se passa na minha mente e as pessoas rirem de mim e achar que estou louca. Realmente ninguém entende. Me sinto só nessa angustia sem fim.

    Curtir

  11. Alguem sente um medo INTENSO de enlouquecer??? ficar esquizofrenico seila, nao sei da onde e nem como isso surgiu, sofro de ansiedade a uns anos, mas a algum tempo atras isso esta me angustiando demais. Nao e preconceito de forma alguma, so nao aguento sentir isso mais, meu coracao aperta, minha cabeca pesa, vontade de ir no banheiro, sinto frio, alem do pensamento acelerado. tenho medo de TUDO.

    Curtir

  12. Galera tenho um grupo de whatsapp de pessoas que sofrem de síndrome do Pânico, transtorno de ansiedade generalizada . Whatsapp 11 931464481. Vc não está só !
    Clique no link e será direcionado ao grupo
    https://chat.whatsapp.com/3wR6XTCxAI7ICUX7rVtLF1
    O grupo superando pânico tem objetivo de entender a patologia da mente, fortalecer e ajudar a lidar com o medo , o pânico, tag ( Transtorno de ansiedade) e de também fazer amizades pois aqui somos uma família.

    Curtir

  13. DEDO NA FERIDA

    Não adianta procurar a origem de tudo fora de nós.
    Não adianta tentar o equilíbrio em medidas paliativas e transitórias.
    Precisamos pensar e agir racionalmente.
    Se tudo que fiz até hoje, não me deu o equilíbrio e a cura que busco. Então preciso buscar em outras alternativas.
    Se a medicina diz que não tenho nada no físico.
    Se os remédios e terapias prescritos por psiquiatras e terapeutas, não me dão a cura que eu almejo. O que fazer então?
    Parar e ficar indefinidamente, como a maioria faz? Presos indefinidamente a remédios? Sem nenhuma outra alternativa?
    Sem outra perspectiva?
    Ou devo me desatrelar de pré conceitos e conceitos antigos, e aprofundar na busca em algo além do corpo?
    Sabemos que não somos constituídos somente de uma massa de carne, músculos, sangue, etc.
    Independente da conceituação religiosa sabemos que algo nos anima, nos guia, nos dirige.
    Uns chamam de espírito. Outros de alma. Outros tantos de essência.
    Seja lá como a tratamos. O certo é que temos uma energia que nos rege, nos guia e nos comanda.
    E quando essa energia está desequilibrada, como é ela que comanda tudo, é normal que o resto também fique em desarmonia.
    Entender dessa forma é pensar racional. Ora!!! É até uma questão de lógica.
    Se não temos nada no corpo que deu causa a essa centena de sintomas. Seria inteligente pensar que tem que ter outra origem.
    Infelizmente, muitos de nós preferimos nos agarrar a preconceitos e seguimos de braços dados com a doença e remédios. Indefinidamente.
    Quem tem olhos de ver. Veja.
    Quem tem ouvidos de ouvir. Ouça.
    Paz e Luz.
    Cláudio.
    panicoevida.blogspot.com.br

    Curtir

  14. Ola galera vou contar um pouco da minha historia. Tudo começou quando um tio meu morreu .passado algund meses da morte dele começei a ter suores nas mão e pés em seguida acordava com muitos gases e muito mal estar logo depois de alguns meses comecei a sernti meu ar travar na garganta. Fui a varios medico cardiologista,reumatologia, neurologia ate que cheguei em um psicólogo mais nada e nenhum remedio resolvia.ate que fui atras de algo natural ate que achei um medico homeopata que salvou minha vida .hojr tomo varios remedios homeopáticos e que me fazem muito bem .antes tinha sensação ruim todos os dias agora sinto esses ataque de pânico só quando bebo um cervejinha ou fumo fora isso fico muito bem .

    Curtir

  15. Galera tenho um grupo de whatsapp de pessoas que sofrem de síndrome do Pânico, transtorno de ansiedade generalizada . Whatsapp 11 931464481. Vc não está só !
    O grupo superando pânico tem objetivo de entender a patologia da mente, fortalecer e ajudar a lidar com o medo , o pânico, tag ( Transtorno de ansiedade) e de também fazer amizades pois aqui somos uma família.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s